Amores de metrô

estacao-trianonDesde a primeira vez que o viu sentiu que seria eterno e verdadeiro. Já havia conhecido muitos homens, mas aquele definitivamente era especial. Ela o observava de canto de olho encostada na parede, enquanto ele lia distraído alguma coisa sobre… talvez música, não conseguiu esticar tanto o pescoço a ponto de se certificar. Não era belo e piscava o olho esquerdo de uma maneira esquisita enquanto avançava pelas páginas, mas o fazia com tanta paixão que ela desejou virar partitura. O moletom desleixado convidava a um abraço apertado, mas os braços cruzados talvez indicassem que queria distância. Hesitou por mais alguns segundos, ponderou, tentou ver seu reflexo no vidro, ajeitou a franja e mordeu o canto do lábio nervosamente enquanto buscava um lápis de olho jogado no fundo da bolsa e um rascunho qualquer para rabiscar seu telefone. 98523… tarde demais, a porta abriu e ele desceu apressado em meio a multidão, sem nunca saber que por 3 minutos foi o mais puro amor da vida de alguém.

Anúncios
Esse post foi publicado em Amor. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s