Minha prece

Eu vi aquela criança e instantaneamente me apaixonei… porque ela pintava seus carrinhos de branquinho e tinha branquinho até nos cabelos. A entrevista foi feita olhando para as artes dela e aquela cara de pestinha. E de repente vi as fotos do seu irmão, na cama, com apenas vinte e poucos anos, sem poder andar nem ao menos comer… mas ali, com o coração a todo vapor, ouvindo tudo que dizem e percebendo a vida dele definhar sem poder fazer nada. Distrofia muscular congênita. Eu já estava sentindo uma dor gigante no peito, ouvindo aquela mãe contar tudo isso. Mas o soco no estômago veio quando, com a voz embargada, ela disse que o pequeno com branquinho no cabelo tem a mesma doença e que ele desenvolvê-la é questão de poucos anos. E uma vontade imensa de ir até lá em cima brigar com Deus: “Por quê??? Ele gosta tanto de correr, de pular!! Caramba, Deus, ele quer viver!!! Por que os músculos dele irão paralisar, dia a dia, até que ele morra, com vinte anos???”
E isso não vai sair da minha cabeça tão cedo, mas aí vem o domingo, o dia conversando com pessoas que nem ao menos querem ouvir o que você tem a dizer. Afinal, elas são pessoas importantes e sérias. Claro que não importa nada, a não ser a pintura na casa delas, o tempo que estão perdendo, a gripe que estão e o quanto estão de saco cheio de ouvir sua ladainha.
E agora, pensando nisso tudo, percebo que o menino do cabelo branco não é injustiçado por Deus — ele tem sorte, porque  aproveita cada segundo da curta vida que lhe foi destinada. E agora Deus, eu mudo minha pergunta: “Por quê??? Porque tantas pessoas que viverão até os 80 anos têm uma alma que se paralisa a cada dia da vida delas? Se o Senhor não puder dar mais tempo de vida ao menininho e seu irmão, peço humildemente: dê vida às pobres almas mortas em corpos vivos.”

Texto originalmente escrito em 2010.

Anúncios
Esse post foi publicado em Amor. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Minha prece

  1. Raissa Alezy disse:

    Muitoo bom!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s